Breve nota-devaneio feita em livro

Seja algo essencial — ou fortemente influenciado por uma ‘essência’ ainda intangível ou inexplicada, para todos efeitos –, seja algo socialmente constituído (minha hipótese favorita), ou mesmo um devaneio mental “autônomo” (hipótese com que simpatizo em algum grau), os gêneros necessitam libertar-se de um fator que opera independentemente desta investigação de ‘causa’ — em realidade, este fator historicamente se beneficiou e se beneficia das pseudoexplicações apresentadas, bem como das intermináveis discussões e recursos sobre qual destas explicações acima, ou que mescla delas, finalmente esquematizaria os gêneros [1]: umx sistema-ideologia-discurso opressivx de gênero que impôs como superiores-ideais a cisgeneridade e a masculinidade.

Nota.

[1]- Pense-se, por exemplo, nos recursos investidos em pesquisas ligadas ao assunto, em diferentes campos de saber.

[anotação na contra-capa de Foucault, A história da sexualidade, vol. 1]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s