Breves notas sobre protagonismos trans: agradecimentos, reconhecimentos, solidariedades

OAB - ao fim da SemanaSou bem caótica e desorganizada… mas não queria ficar sem falar — e, quem sabe, incitar mais conversas — sobre alguns acontecimentos recentes em minha vivência. Faz-se necessário agradecer por cada bom afeto, por cada sorriso e abraço, por cada disposição à redefinição+descolonização das ideias que temos sobre gêneros e identidades de gênero e diversidades corporais. Agradecer, e reconhecer as muitas lutas de resistência trans que me apoiam, e com as quais espero contribuir com meu melhor possível:

– quero dizer, em primeiro lugar, da alegria que foi ter participado da I Semana da Visibilidade Trans de Aracaju, este evento (entre tantos outros eventos bacanas Brasil afora) tão importante, e que para mim sinaliza um aspecto importante das lutas pelas diversidades corporais e de identidades de gênero, das lutas trans: a importância dos protagonismos intersecionais, de haver uma diversidade de pessoas trans, por ex., pensando questões trans. E com o desafio contínuo de ampliar a participação de pessoas trans racializadas, pobres, trabalhadoras do sexo, precarizadas, etc. Temos desafios a vencer (como a falta de recursos), mas podemos pensar em maiores autonomias trans e mais intersecionalidades nos movimentos sociais.

Astra (dia de visibilidade)– quero mencionar, também, a felicidade de ter me encontrado com algumas das pessoas que compõem a Astra (Associação de Travestis e Transgêneros de Aracaju – Direitos Humanos e Cidadania), e várias pessoas trans — transexuais, travestis, .. — dando entrada para acessar direitos fundamentais, como o nome nos documentos oficiais. São iniciativas importantes, e é importante que sempre pensemos em estratégias e possibilidades de despatologizar e desnormatizar este processo o mais possível, garantindo crescentemente a autonomia das pessoas trans no autorreconhecimento de suas identidades de gênero (o link é para uma apresentação que fiz sobre o tema). Este horizonte seria o da aprovação da Lei de Identidade de Gênero brasileira, lei João Nery.

Unidas– Conheci, também, várias pessoas que compõem a Unidas (Associação de Travestis Unidas na Luta Pela Cidadania), no dia da visibilidade trans, onde se conversou sobre algumas das questões e demandas políticas trans+travesti, como alteração de nomes e assessoria jurídica diante de violências institucionais, como as polícias militarizadas e o cistema prisional.

Roda vivencias trans (Centro LGBT)– Já de volta a Salvador, participei de uma roda de conversa sobre vivências trans no Centro de Promoção e Defesa dos Direitos LGBT da Bahia, em que pudemos conversar sobre violências policiais contra pessoas trans, sobre exclusões cissexistas dos cotidianos, sobre experiências e estratégias para ter acesso ao cistema de saúde, ao nome oficial correto, etc.

– Como não se emocionar com o manifesto de Maria Clara, aprovada na UFPE? Como não escutar cada história de resistência travesti, cada alteração de nome, cada respeito a nomes sociais, cada transformação existencial, como possibilidades descoloniais? Estes fortalecimentos internos são muito importantes, e um desafio imenso para as identidades de gênero dissidentes e inconformes à cisnormatividade: precisamos de criatividades para promover tais fortalecimentos.

– Nem sempre vencemos, é verdade: entretanto, ao conhecermos nossas histórias e as violências cissexistas+transfóbicas que as atravessam intersecionalmente, também podemos ir construindo solidariedades críticas às normatividades do cistema. Quando nos reunimos, quando compartilhamos experiências, quando damos risadas das situações de que escapamos, estamos resistindo. Espero que possamos ser agentes por solidariedades intersecionais trans, reconhecendo nossas limitações e as diversidades de estratégias e demandas políticas, e fortalecendo outras lutas através de contribuições críticas e sensíveis.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s